Free songs
durante o jogo entre Corinthians/SP x Sport/PE realizado esta noite na Arena Corinthians, valido pela 19a. rodada do Campeonato Brasileiro de 2017. Juiz: Wagner Reway. Sao Paulo/SP/Brasil/ 05/08/2017. Foto: © Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

O que pode derrubar o Corinthians no Brasileirão?

set 14 • Atlético-MG, Atlético-PR, Bahia, Botafogo, Brasileirão, Corinthians, Cruzeiro, Flamengo, Fluminense, Goiás, Grêmio, Internacional, Palmeiras, Santos, São Paulo, Times, Vasco, VitóriaNenhum comentário em O que pode derrubar o Corinthians no Brasileirão?

O Corinthians é líder isolado do Brasileirão e virtual campeão nacional. Apresenta sete pontos de vantagem sobre o vice-líder Grêmio e nove a mais que o terceiro colocado Santos. É disparado o time mais eficiente da competição.

A equipe vem de três derrotas (Vitória, Atlético-GO e Santos) e uma vitória (Chapecoense). Um quadro que surpreende, sobretudo diante do desempenho regular do time desde o início do nacional.

Diante do atual quadro, que não é desesperador, mas preocupante, muitas definições vêm à tona para explicar o mau momento do time. E quase todas elas têm um fundo de verdade.

Por exemplo: Jadson e Rodriguinho caíram muito de produção, o que derruba com a criação do time e a chegada da equipe com intensidade na frente. Romero, que é importante taticamente, no ataque é uma peça nula, principalmente quando precisa finalizar a gol. Guilherme Aranã, machucado, deixou um vazio na lateral esquerda do time.

Gabriel perdeu pegada e tempo de bola, fruto das seguidas paradas na tabela. Com isso, a defesa fica também exposta. E Jô parou de marcar gols, pois também fica isolado à frente, devido ao distanciamento de Rodriguinho, Jadson e Cia.

Dito isso, aponto aqui o que para mim pode ser um golpe fatal nesse atual Corinthians, que não é genial, porém um time muito eficiente. A confiança ou a falta dela. O Alvinegro primou por acreditar em seu potencial e não pode perder isso. Desacreditar seria o começo do fim do sonho do caneco.

Desta forma, acreditando e com a autoestima no céu, o time brilhou durante todo o primeiro tempo, com a formação considerada ideal, e que ganhou os jogos sem exibições de gala, porém com intensidade e eficiência. O Corinthians alcançou mais de 85% dos pontos disputados, algo surreal em se tratando de Brasileirão.

No returno, diante dos maus resultados, o time passou a ter a desconfiança a seu lado. O Alvinegro só empatou com o Racing (1 a 1), pela Copa Sul-Americana, e agora terá o Vasco, domingo, em Itaquera, pelo nacional.

Antes do duelo pela Copa, via o triunfo diante do Racing como decisivo para a retomada da confiança. Mais do que eficiência, esse atual time do Corinthians precisa voltar a acreditar em seu potencial para brilhar.

Após o frustrante empate diante do Racing, o goleiro Cássio abordou justamente isso, salientando a necessidade de o time não perder a confiança em seu potencial. Bingo!

Essa é a palavra mágica para o atual momento do líder do nacional. No domingo, diante do Vasco, mais do que a vitória e os três pontos, o Corinthians precisa vencer para voltar a acreditar na sua força como time. A liderança é ainda real, a vantagem muito boa, mas a falta de confiança parece marcar em cima o time. Por isso, a reação precisa vir já no final de semana, seja com o time jogando bem ou não. 1 a 0 será goleada.

 

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« »

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE