Free songs

Mata-mata é outra história, Pep!

abr 5 • Destaques, Liga dos Campeões, TICKERComentários desativados em Mata-mata é outra história, Pep!

A vitória do Liverpool sobre o Manchester City por 3 a 0 pela partida de ida do mata-mata das quartas de final da Liga dos Campeões não me surpreendeu. Pelo contrário… Apostava no time de Jurgen Kloop desde o final das oitavas de final, quando se definiu o clássico inglês. Três gols em 31 minutos. Um atropelo do Liverpool e sem dose de sorte, mas, sim, muita transpiração, intensidade, organização tática e eficiência no ataque. Venceu e convenceu.
A vaga para a semifinal está ainda aberta? Sim. É provável a virada do City? Não.
Você fazer 4 a 0 num rival jogando em casa é possível, é fato. Agora, entrar com essa obrigação torna tudo mais difícil. Deu Kloop, de novo, sobre o rival Pep Guardiola.
Em tempo: O City joga a liga inglesa com competência e com um futebol que enche os olhos. É o time da moda na Europa. Equipe encorpada, intensa e com ótimo toque de bola. Tem a cara de Pep. Não à toa, já é o virtual campeão inglês.
Agora, tem times que vão bem no sistema pontos corridos, mas refugam no mata-mata. Já vimos inúmeros exemplos. O mata-mata, além de testar a força da equipe como time, coloca também à prova os nervos dos jogadores, o equilíbrio emocional.
O Liverpool atropelou o City. Na próxima terça-feira, o jogo da volta acontece, agora no campo do rival. Mais um teste de fogo para o City provar que pode ser bom e eficiente também no mata-mata.
Reitero: a virada do City é possível, porém muito improvável. Além de fazer quatro gols, o time de Pep precisa anular Mané, Firmino e Salah, que formam o trio ofensivo do Liverpool.
Que tal?

Comentários

Related Posts

« »