Free songs

Carille precisa pensar mais com o bolso e menos com o coração

maio 18 • Corinthians, Libertadores, TimesComentários desativados em Carille precisa pensar mais com o bolso e menos com o coração

O Corinthians massacrou o Deportivo Lara por 7 a 2, nesta quinta-feira, na Venezuela, e se classificou para às oitavas de final da Libertadores. No banco, o técnico Fábio Carille mantinha um semblante sério e tenso, apesar da postura vitoriosa do time.

Carille sabia que a vitória sobre os venezuelanos pode ter significado sua despedida, pelo menos por ora, da Libertadores da América. O treinador tem uma proposta milionária do Al-Hilal, da Arábia Saudita, e pode dar adeus ao Corinthians.

Se conselho fosse bom, ninguém daria e sim vendia, mas vou fazer esse favor à Carille, até pela postura dele no comando alvinegro e pelo tratamento sempre cordial com a imprensa.

Meu feeling diz que o treinador só espera a confirmação dos valores para bater asas para o seu novo clube. E ele está certo. Apesar da passagem vitoriosa até aqui no comando do time do povo, o treinador não conta com nenhuma estabilidade e pode ser demitido mesmo durante a disputa do Brasileirão ou mesmo diante de uma eliminação na Libertadores.

Portanto, é chegada a hora de Carille pensar mais com o bolso e menos com o coração. É fato que deixar um trabalho pronto e vencedor machuca, mas por outro lado Carille sabe que sua aposentadoria eterna seria alcançada no prazo de dois anos de contrato oferecido pelos árabes.

Por isso, apesar do sentimento de gratidão ao Corinthians e sua torcida, Carille tem de aceitar a proposta correndo se já não aceitou.

No entanto, fica o alerta: é importante resolver a possível saída rapidamente. É vital que o clube árabe confirme os valores e mande o contrato para que Carille defina o futuro nos próximos dias, até para não desgastar sua imagem com a Fiel torcida.

Caso se confirme a saída, Carille deixaria o Alvinegro como uma espécie de Deus e manteria as portas escancaradas para um possível retorno em breve. Carille merece. O Alvinegro também.

 

 

 

Comentários

Related Posts

« »